Partilhar experiências

Easy_to_read_logo

Porque devemos fazer este exercício?

Para encorajar os participantes a partilhar experiências de vida.
Para conversar sobre diferentes soluções de inclusão
em vários tópicos de apoio.

Easy_to_read_logo

Qual pode ser o papel do coformador?

O coformador pode ser responsável por realizar o exercício, com o apoio do formador na parte das conclusões.
O coformador pode falar sobre as suas experiências de inclusão.
Pode ajudar os participantes que têm maior dificuldade em falar em público.

Qual é o objetivo do exercício?

Os participantes devem aprender a partilhar as suas experiências e incentivar os outros a partilhar as suas. Os participantes ecolhem um tema e devem procurar soluções de integração para cada tema/situação discutida.

Qual a metodologia que deve ser utilizada?

O formador deve sinalizar um participante que já tenha tido experiência com o tema que os participantes estão a discutir. Este participante conta aos outros a sua história. Outro participante pergunta a outros elementos do grupo sobre as experiências com este tema.

Pode pedir-se a algum elemento do grupo que resuma as experiências e as soluções encontradas no flipchart.

Os participantes recebem um trabalho de casa para apresentar na próxima sessão.

Tentarem saber a experiência de outras pessoas que lhe são próximas relativamente ao tema debatido. Por exemplo: pais, irmãos, amigos e pessoas sem deficiência.

O formador coloca perguntas acerca das experiências relatadas relacionadas com o trabalho de casa. Deverá perguntar, por exemplo, qual é a experiência dos amigos e familiares dos participantes relativamente ao tema debatido.

Segue-se um debate sobre o nível de inclusão das diferentes soluções, quais os prós e contras e o direito a ser incluído. É importante reforçar que os desejos e necessidades individuais de cada pessoa devem ser respeitados.

Quais os materiais necessários?

Flipchart, quadro.

Tempo: 90 minutos

 

   

Leave a Reply